Image Slider

quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

Review: Agents of SHIELD 4x10 - "The Patriot"

Atenção: A resenha abaixo contém spoilers do episódio "The Patriot", exibido no dia 17/01/2017!

agents of shield 4x10

Em "Broken Promises" (4x09), as revelações foram intensas. Passamos pela descoberta de Aida e sua sede pelo poder do Darkhold e a batalha interna que isso causou, além de terem tentado salvar o irmão inumano da Senadora Nadeer ao descobrirem seu envolvimento com os Watchdogs. O episódio foi imperdível, gerando nervosismo e surpresa, já que May continua em seu estado crítico sem que ninguém perceba e eu não esperava que Aida fosse descoberta tão rápido. 

Eis que nos enganamos. A descoberta não foi rápido porque nem foi uma descoberta de verdade. O vilão por trás disso tudo? O Doutor Radcliffe, como já deveríamos ter imaginado. Não pude deixar de achar interessante a forma que nos enganou ao acreditarmos que Aida tinha conseguido sentir emoções e se tornar humana, de certa forma. Só as referências à filmes com robôs malvados feitos por Mack e Elena para alegrar o nosso dia mesmo. 

No entanto, essa história ainda vai rolar. Enquanto o foco do episódio é em Mace, a nova Aida e Radcliffe tentam estabilizar May para que ela permaneça sedada. Agora que o cientista não tem acesso à sede da Shield, só o resta ficar escondido por um tempo. Apesar de não termos muito progresso, algumas coisas ficam mais claras. Radcliffe sente impulsos um tanto violentos em Aida e isso gera conflito entre os dois. Será que os efeitos do Darkhold são minimamente reais? Ou será que ela só está reproduzindo o sentimento que vê em Radcliffe (com toda sua sede por poder)?

Além disso, percebemos que eles estão coletando dados da May verdadeira, o que explica como a May-robô lembra de histórias e mimica tão bem Melinda. Depois de May quase foge, eles decidem colocar May em um estado de ação constante, o que pode facilitar agora essa coleta de dados. Not good. Principalmente quando acho que criaram um cenário de traição ou algo que manipule Melinda a pensar que alguém de seu time é seu inimigo. Será possível? Tenho um mal pressentimento.

Do outro lado, Fitz insiste em estudar a cabeça de Aida, apesar de Simmons tentar convencê-lo em deixar isso para lá. E mais uma vez Fitz vai mentir para Simmons. Eu sei, péssimo para um relacionamento, mas tenho esperança que, pelo menos, já que ele quer estudar o que deu errado, Leo descubra o envolvimento do Radcliffe. Só vamos torcer para que ele não revele ao Radcliffe o que está fazendo. 

agents of shield 4x10

Já no centro do episódio, temos Mace. Em uma homenagem pública da Shield ao trabalho de Daisy, Mace sofre um atentado à sua vida. Por isso, Coulson, Mack e um agente com uma maleta secreta ficam responsáveis por levar o Diretor para algum lugar seguro. A coisa toda vira do avesso quando o avião em que estão é atingido e o agente com a maleta é sugado no ar. Aos poucos descobrimos que os responsáveis são pessoas da Hydra que sabiam os protocolos de segurança e pareciam querer a tal maleta.

Mace, então, decide recuperá-la, levando Coulson e Mack junto para o meio da floresta. E quando o trio tenta reaver a maleta das mãos dos tais agentes da Hydra, não demora para descobrirmos seu conteúdo: drogas que dão superforça para Mace. É, nosso Diretor inumano é bem humano. Se quem já conhecia as histórias dos quadrinhos achou que a série mudaria o rumo, estava enganado. De qualquer forma, sabendo ou não, foi uma ótima reviravolta. Não só para dar uma mexida nas coisas como para entendermos melhor Mace. Ele com certeza traz muita história por trás de todos seus atos.

Talbot explica o quanto precisava de uma nova cara para a Shield e, sem ninguém inumano que pudesse assumir o controle, ele fez o necessário para reunir as qualidades que queriam. Compreensível. É muito bom ver o quanto a Shield/o governo se preocuparam em mostrar para todos que os inumanos são cidadãos como qualquer um, mas ao mesmo tempo, como Phil aponta, mentir não é a melhor maneira de construir confiança na relação com inumanos.

A história tem um final feliz. Mace consegue distrair os agentes da Hydra e, com ótimas cenas de luta, Mack desabilita a antena que impedia a Shield de encontrá-los e Coulson põe seu escudo em uso. Até May-robô e Daisy dão uma mãozinha e resgatam o trio. Com todos da equipe a par do grande segredo de Jeffrey, ele e Coulson tem uma conversa. Gostei bastante. Foi honesto e direto. Mace contou como chegou até ali, como seu título de herói foi puro engano - o que me fez pensar como escolheram ele do nada. Por isso, ele faz questão de devolver o cargo para Coulson.

agents of shield 4x10

No entanto, por mais que tenha errado, ele até que se virou bem como Diretor. Sua mensagem e oferta de proteção aos inumanos foi tocante. Por mais que não seja um, ele se preocupa e já é o suficiente. Coulson sabe disso e sabe que ter essa uma imagem na Shield a fez/fará bem. Assim, fica o trato. Mace continua como Diretor nos olhos do público, mas quando o assunto é missão e tática, o Diretor é o Coulson. Uma parceria meio rainha/primeiro ministro, eu diria.


O melhor
Simmons badass fingindo ter cortado a cabeça de alguém da Hydra para impôr respeito.
Pela primeira vez, gostei do Mace. Agora sim ele parece sincero.
Daisy pulando no atirador como se fosse nada.
Plotwist de Mace, apesar de não ser muito surpreendente para quem conhecia os quadrinhos.
Adorei a Daisy tentando descobrir se May e Coulson estavam envolvidos romanticamente. Pena que foi com a May errada.

O pior
Estou tentando entender como a Simmons tinha acesso ao Projeto Patriot se não queriam que ninguém descobrisse.
Fitz mentindo de novo, why.

Nota 9,0

Mariana Oliveira Sou estudante de Publicidade, Beatlemaniaca e Coldplayer. Toco piano e praticamente vivo de séries e livros. Estou sempre à procura de mais uma série, afinal nunca é demais.

0 comentários:

Postar um comentário

 
UA-48753576-1