Image Slider

terça-feira, 11 de outubro de 2016

Review: Once Upon a Time 6x03 - "The Other Shoe"

Atenção: A resenha abaixo contém spoilers do episódio "The Other Shoe", exibido no dia 09/10/2016!


ouat 6x03

Para encontrar achou um sapato, basta encontrar o outro par para descobrir de quem é, não é? E quem vive perdendo o sapato? Isso mesmo, Cinderella. Já sabíamos como Ella conseguiu seu vestido para o baile, mas faltava o resto da história. Acreditem, a história toda foi na primeira temporada e desde então só tivemos algumas menções à Cinderella. Maaas, se o formato da série voltou a seus primórdios, nada mais justo que voltarmos com alguns personagens, certo? Thomas, Archie e Leroy também dão uma passada.

O episódio foi cheio de muitos começos. Várias histórias se desenvolvendo paralelamente, sem se resolverem em apenas 44 minutos. Para começar, David dá passos de bebê até o mistério da morte do pai. Ele se esquiva do grupo para pedir informações para Rumple sobre a medalha. Como se fosse quase um relatório policial, Rumple guarda um cartão com informações de como estava a cena do acidente. Estou curiosa para saber porque exatamente a Evil Queen queria tanto que Charming seguisse essa investigação e o que Rumple tinha com isso. Se bem que ele imaginava que Charming iria até ele, e ele poderia fazer um de seus queridos acordos. David, é claro, descobre então que seu pai foi assassinado e, apesar de Snow tentar impedir, tenho certeza que vai tentar descobrir quem foi o culpado. Eis a pitada de discórdia cotidiana dos escritores.

Se Rumple ajudou Charming, em retorno, o príncipe teve que entregar uma fita cassete para Belle. A coisa não se prolonga muito, mas é bom chamarmos a atenção que nos comentários de Belle. Quando David fala sobre o pai, ela fala o quanto a relação pai-filho é importante, o que me faz pensar que ela deve voltar atrás e deixar Rumple se envolver no crescimento do filho, e logo, voltar aos poucos para sua vida.

Enquanto isso, tivemos Regina tentando achar formas de combater a Evil Queen com a ajuda de Snow. A primeira ideia era subornar Hyde com lasanha. Está aí algo que eu nunca pensei falar. Infelizmente, esse suborno não foi muito original e a Evil Queen faz antes. Então vão para a segunda melhor ideia: Jekyll. O cientista fica tentando recriar sua poção para assim descobrir o que deu de errado, mas, de novo, sem sucesso. Snow então tem a ideia genial - que continuará nos próximos capítulos - de o juntar com outro sumido: Dr Whale, aka Frankenstein.

ouat 6x03 cinderella

No entanto, a estrela da noite foi Cinderella. O flashback segue muito bem o script. As irmãs interesseiras, a madrasta malvada, o vestido destruído e até o ratinho Gus para fazer companhia para Ella. A história que tanto já ouvimos em tantos filmes. No entanto, como sempre, há uma reviravolta, começando pela participação de Snow, apesar de pequena. O baile acontece, Ella conhece príncipe Thomas. No entanto, ele logo é visto com Clorinda, uma das meia-irmãs de Cinderella, e causa um mal entendido. Eis que a reviravolta chega. Apesar dos apesares, Clorinda é menos má do que parece e, apaixonada pelo empregado do príncipe, só quer fugir com ele para ser feliz. Por isso, Ella decide ajudá-la e dá ao casal a chave que sua mãe te deu para a Terra das Histórias Nã-Contadas.

Infelizmente, mesmo depois do ato generoso, sob pressão, Ella delata a meia-irmã para a madrasta. E ela fica presa em seu quarto, como as regras ditam. Felizmente, tudo se resolve facilmente: o príncipe consegue contactar Snow, que sabe o nome de Ella e sei-lá-como-não-perguntem descobre onde ela mora. Achei curioso que, apesar de termos o merecido romance, o foco foi na relação dela com a meia-irmã. Logo depois de noivar, ela corre para impedir sua madrasta de fazer mal ao casal. Too late.

O que nos leva ao presente. Como disse, o relacionamento das duas é importante e, quando descobre que todas aquelas pessoas haviam chegado de um novo mundo, Ashley (aka Cinderella) decide procurar a irmã. Claro que fomos muito bem enganados ao pensar que ela estava atrás de vingança, quando no fundo só queria se redimir. E, apesar de tudo, ela consegue. Devo dizer que foi uma boa hora para Ashley voltar. Depois de tantas coisas que aconteceram, estamos num ponto em que Emma já está madura nessa coisa toda de heroína, mas está questionando sua identidade. Ela não sabe quem é fora disso, muito menos se ainda consegue ser a salvadora, já que não pode confiar tanto em seus poderes.

ouat 6x03 emma

Emma vê a vida perfeita de Ashley pela superfície e já acha que nuca vai ter nada assim, quando mal sabe ela que nada está às mil maravilhas. Ashley se sente culpada pelo que fez e sua felicidade parece não ser de verdade. Os paralelos não param por ai. A própria situação nos remete ao começo da série e como Emma começou a ajudar as pessoas da cidade começando por Ashley, uma garota de 19 anos grávida e confusa. Simplesmente adorei.

Além disso, nossa querida Cinderella ajuda Emma com outro problema: as falhas em seus poderes. Com a ajuda de Hook e Henry, Emma segue as pistas de Ashley e as coisas ficam cada vez mais difíceis quando suas tremedeiras voltam. Felizmente, Emma não tem como esconder dessa vez e Killian tenta a consolar. Mais uma vez, voltamos à antiga Emma. Sem mágica, ela precisa usar seus dons de 'investigadora' para achar Ashley. Henry também ajuda a mãe na tarefa e, assim como Hook, apesar de saber que algo que está errado, só foca em incentivá-la naquele momento sem perguntar muito. Tarefa feita com sucesso, Emma chega para socorrer Ashley, que foi atacada pela madrasta, enquanto tentava salvar Clorinda. Com mais uma ajudinha do filho, Emma consegue. Pode parecer pouco, mas ela reativa seus poderes sozinha e isso é um grande passo.

*Curiosidade: apesar do nome Cinderella parecer ter sido inventado por Clorinda com um trocadilho, Ella realmente seria o apelido de Cinderella já que na primeira temporada vemos Ella começar a assinar seu nome com um C.

O melhor
Quão fofa foi a cena do Hook brincando com a filha da Cinderela? <3
Ok, Cinder (cinzas) + Ella = Cinderella foi legal!
Paralelos entre Ashley e Emma.
Reviravolta na história de Cinderella.
Henry e Hook indo ajudar Emma.

O pior
Gostei da Regina ter ido procurar a Zelena, mas achei a cena muito rápida, sem desenvolver muito.
Archie dispensando o Leroy só porque a Emma chegou. Not cool, bro.
- Melhor um pai ruim que pai nenhum? Hmm não sei.

Nota 8,8

Mariana Oliveira Sou estudante de Publicidade, Beatlemaniaca e Coldplayer. Toco piano e praticamente vivo de séries e livros. Estou sempre à procura de mais uma série, afinal nunca é demais.

0 comentários:

Postar um comentário

 
UA-48753576-1