Image Slider

quarta-feira, 18 de maio de 2016

Review: The Big Bang Theory 9x24 - "The Convergence Convergence" [Season Finale]

Atenção: A resenha abaixo contém spoilers do episódio "The Convergence Convergence", exibido no dia 12/05/2016!

the big bang theory 9x24

É engraçado ver como as coisas se resolvem. Logo no primeiro episódio desta temporada, apontei o problema mais evidente que The Big Bang Theory precisaria enfrentar com sua entrada na longevidade: adentrar seu nono ano sem ter uma ‘importância cultural’ realmente especial como series que duraram igualmente por bastante tempo, como Seinfeld (1989-1998), Cheers (1982-1993) e Friends (1994-2004).

É evidente que The Big Bang Theory é um seriado extremamente bem escrito, engraçado e popular, não há dúvida alguma em relação a isso. Mas quando analisamos a série individualmente neste momento em que ela se passa, é difícil achar qualquer aspecto que a torne ‘especial’. Explico: atualmente, seriados como Game of Thrones e The Walking Dead estão servindo a esse papel, sendo comentados à exaustão, discutidos, analisados, criando base de fãs, lotando redes sociais de spoilers e emotions de surpresa a cada final de episódio. Já The Big Bang Theory, bem, não traz este impacto.

Assim, naquela première de outubro de 2015, ficou um tanto evidente que o seriado estava sofrendo um pouco para achar seu foco dentro de si mesmo. Como disse na época, se antes o seriado contava a história de um grupo de amigos nerds totalmente desajeitados, e sem muita noção das interações humanas, que passavam seus dias discutindo cultura geek e tentando – erradamente - se dar bem com as mulheres, hoje o show vive dos bastidores dos rapazes em seus duradouros relacionamentos amorosos.

E foi somando todos esses fatores, e o que estava em jogo com eles, que tivemos a première mais estranha do seriado. Os personagens estavam todos sofridos e mal-humorados, o casamento de Penny e Leonard foi anticlimático e totalmente carente de emoções, no que devia ser o momento mais emblemático da série, e principalmente, o humor estava meio aéreo. Coube ao Stuart, veja só, o papel de alívio cômico. Alívio cômico em um seriado de comédia!

the big bang theory 9x24

Enfim, quando chegamos ao episódio da semana passada, onde a mãe de Leonard, Beverly, fez uma visita ao filho e conseguiu fazer com que Penny marcasse uma cerimônia simbólica de casamento para que ela pudesse comparecer, pensei ‘sim, é isso!’, e pude jurar de pé junto que o seriado daria um giro de 360º para voltar à questão de première e recolocar a coisa no lugar, entregando finalmente aos fãs o casamento que tanto queríamos ver. 

Seria uma sacada genial dos roteiristas, seria uma forma de mostrar que tudo fez parte de um grande plano, e quem sabe fazer Sheldon dar o anel à Amy e pedi-la em casamento, dando um sentido temático à nona temporada. Seria o fecho perfeito para esta season finale e entregaria um *‘watercooler moment’ tão necessário para The Big Bang Theory! Ledo engano.

*Watercooler moment, para quem não conhece o termo, é uma expressão americana que diz, em tradução literal, ‘momento do bebedouro de água’. É quando alguma coisa, seja um seriado, um programa de TV qualquer, um acontecimento, o que for, tenha sido tão impactante, que no dia seguinte as pessoas vão comentar sobre ele no trabalho, enquanto se encontram para tomar água no corredor da empresa. 

Neste episódio, como previsto, retomamos a ação vista no episódio passado, com Leonard chegando da sessão de ‘Os Vingadores’ que fez com que Sheldon brigasse na fila. Penny, então, o informa sobre a cerimônia simbólica de casamento, que a princípio não anima o marido nem um pouco. Ele acaba entrando na onda, e logo começam a pensar nos convidados. E se tudo indicava que seria um daqueles episódios repletos de participações especiais, isto ficou apenas na indicação. Os únicos que aparecem aqui são Beverly, a razão de tudo, a obcecada religiosa mãe de Sheldon, e uma rara aparição do pai de Leonard.

the big bang theory 9x24

Mas não que isso já não crie tensões o bastante. Assim como na première, temos aqui personagens nitidamente em conflito, mas desta vez com muito teor cômico envolto. Recém-divorciados, Beverly e o pai de Leonard estão naquela fase em que só conversam em trocas de farpas rápidas. A mãe de Sheldon igualmente se dá bem com Beverly, já que ela é uma devota religiosa fervorosa, enquanto a outra é totalmente racional e avessa a emoções. E se isso não fosse o bastante, em uma subtrama paralela correlata, Howard, Raj e Bernardette estão em estado de paranoia total após Howie receber um e-mail do governo americano para conversar sobre o projeto dos cientistas. Entretanto, o e-mail chega exatamente no momento em que o experimente funciona, numa estranha coincidência que faz com que os rapazes pensem que estão sendo espionados.

Enfim, o único verdadeiro assombro desta final de temporada foi o provável romance entre a mãe de Sheldon e o pai de Leonard. Mas mesmo isso foi mal introduzido na trama, já que ao invés de dar pequenos sinais, e depois fazer os filhos flagrarem os respectivos pais na cama – o que seria bem impactante para finalizar a temporada – nada é mostrado, e a troca de flertes entre os dois roda o episódio quase inteiro, estragando qualquer tipo de surpresa final. O projeto dos cientistas não é vendido ao governo, Raj não termina com Emily, e Sheldon não propõe Amy em casamento. A nova cerimônia de Leonard e Penny, então, nem preciso dizer que não aconteceu a tempo antes da subida dos créditos finais.

the big bang theory 9x24

Assim, foi uma season finale com cara de episódio qualquer. Sem um ‘watercooler moment’, sem impacto, sem resoluções, sem nada. E The Big Bang Theory entrará em sua décima temporada com o mesmíssimo problema com o qual entrou nesta agora finalizada: realmente trazer aquela aura de show ‘especial’ para justificar seus vários anos no ar.


O melhor
O Sheldon convidando celebridades para o casamento do Leonard e da Penny.
+ O Howard e o Raj paranóicos com o governo americano, e o Raj dizendo que ‘Ama a América’.
+ A troca de farpas entre a mãe e o pai de Leonard.
+ A Penny rindo ao final, ao vislumbrar a possibilidade do Leonard se tornar irmão do Sheldon.

O pior
- O episódio inteiro foi crescendo com a realização da nova cerimônia de casamento de Leonard e Penny, mas chegou ao final sem ela. Uma grande decepção.
- Uma season finale sem grandes impactos, surpresas ou resoluções. A temporada termina sem fechar perguntas abertas nela mesma.

Nota: 8,0


Cássio Delmanto Advogado, colunista automotivo, beatlemaníaco, fanático por carros, filmes, séries, música, tecnologia e cultura inútil em geral. 

0 comentários:

Postar um comentário

 
UA-48753576-1