Image Slider

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2016

Review: Arrow 4x15 - "Taken"

Atenção: a resenha abaixo contém spoilers do episódio "Taken", exibido no dia 24/02/16.


arrow samantha 4x15
 
O episódio pelo o qual eu menos estava esperando chegou, e foi... Bem ruim. Eu esperava sofrer com o episódio, mas tudo o que me fez fazer foi suspirar com impaciência, porque haja escrita ruim nessa série, meu deus. Tiveram alguns pontos positivos sim, poderia ter sido bem pior do que foi, mas também teve muita coisa ruim. A questão toda é que os escritores queriam chegar até um ponto específico ao final desse episódio, focaram nisso e esqueceram que o caminho para chegar até lá deveria fazer algum sentido.

Vamos começar com o William sendo sequestrado. Eis aqui uma criança de dez anos, que aparentemente é retirada de sua casa sem nenhuma explicação, e simplesmente aceita isso e fica desenhando por uns dois dias, sem estranhar nada. Me pergunto se os escritores de Arrow já conheceram alguma criança na vida deles, porque a primeira lição que todos aprendem é “não fale com estranhos”, e principalmente não saia por aí com estranhas indo para a casa deles, mesmo se eles alegarem serem amigos da sua mãe. Eu sei que isso é irrelevante para série, mas me irritou profundamente.

Darhk revela para Oliver que sequestou seu filho, bem na frente da Felicity, e diz que vai devolvê-lo se o Oliver sair da campanha. É claro que Oliver não quer desistir de ser prefeito, depois de todo o esforço e está até ganhando, então ele faz um plano para poder resgatar o William, mas mesmo assim contata o Alex para dizer que vai sair. Não sei porque estão fazendo o que o Darhk quer, quando já foi estabelecido que ele não cumpre sua palavra, o Oliver mesmo relembra disso, contando sobre como no 4x09 o Darhk disse que ia liberar Felicity, Thea e Diggle se Oliver se entragasse e chegou na hora, ele não fez nada disso. Então tá, fica no ar esse questionamento.

Grande parte do episódio é dedicada a decisão do Oliver de se tornar pai, todo mundo fica sabendo sobre William – e preciso comentar brevemente que achei maravilhoso eles darem espaço para a Laurel falar sobre seus sentimentos em relação a isso -, e resolve dar sua própria opinião. Diggle diz para Oliver que ele deveria deixar o filho perto, que é o que ele faz com a Sara e é assim que ele sabe que ela está segura, foi um ótimo conselho e sou da opinião de que todo mundo devia ouvir o Digg sempre, mesmo que nesse caso o Oliver não tivesse tido muita opção até agora.

Mas como nada pode ser feliz nessa série e eles não tem mais o que fazer com essa criança, Oliver acaba seguindo o conselho de outra pessoa. Ele chamou a Vixen para ajudá-lo com Darhk e ela já veio dando opinião mesmo sem ninguém pedir, dizendo que o mais certo era o Oliver se afastar, que foi o que os pais dela fizeram. Achei péssimo honestamente. E de novo uma criança chamada William sendo “afastado” dos pais pela própria segurança? Todos os fãs de X-Files ficaram com uma sensação de deja vu com isso.

Depois que resgatam William, nós vemos Oliver fazendo um vídeo para William ver quando tiver 18 anos, dizendo que sua vida era muito perigosa e que era melhor que ele não fizesse parte d avida do filho. Por mais que eu discorde fortemente com esse conceito, toda vez que o Stephen Amell chora, eu choro também, então foi o mais emocionante do episódio.

Se os escritores não se esqueceram da existência do William, aposto que o veremos na última temporada, em uma reunião bonitinha.

olicity taken

O que me irrita mais sobre toda essa história – que eu já disse na minha review do 4x08 – é que eu achava que tinha MUITO potencial trazer o filho do Oliver para Arrow, nós poderíamos vê-lo crescendo como personagem, se aproximando da criança e aprendendo a conciliar ser pai com ser super-herói, e o que nós recebemos foi literalmente o contrário. Eles trouxeram William com o único objetivo de separar Oliver e Felicity – e não se enganem, esse FOI o único objetivo – e aí simplesmente mandam a criança embora, sem nem nos dar direito uma cena dos dois juntos. Não foi para isso que eu pedi tanto para trazerem essa criança para a série.

Nós queríamos um enredo sobre amadurecimento do Oliver, e aí o que vem é uma história sobre mentiras. Também não entendi qual o objetivo de eles tentarem nos fazer empatizar tanto com o Oliver e a Samantha nesse episódio, dando razão para eles esconderem a verdade e todas, e depois Samantha dizendo que foi decisão dela, só para depois fazer a Felicity terminar com ele. Todos nós já sabíamos que eles iam terminar, mas foi construído de maneira tão ruinzinha... Sério, no final do episódio eu já estava perdoando o Oliver, não sei como vão fazer a Felicity não perdoá-lo por muito tempo.

Não me entendam errado, concordo absolutamente com a Felicity, acho que ela estava bem certa. Oliver devia ter contado pra ela a verdade sim e também deveria ter decidido junto com ela sobre as decisões, maaaas a) se casamento é sobre superar obestáculos juntos, você também não está fazendo isso, Felicity, porque simplesmente terminou ao invés de tentar superar; b) se a Felicity perdoou o Oliver em algumas horas depois que ele fingiu ser Al-Sahim, sequestrou a Lyla e fingiu que ia matar todos eles, isso não me parece menos desculpável. Acho justo de briga SIM, mas nada que uma conversa não resolva. Terapia de casal para Olicity já!

Além disso, toda a cena do rompimento dos dois foi BEM fraca. Se é para ter rompimento, façam direito, esse é meu OTP e eu não derramei uma lágrima sequer, só fiquei tipo “... foi isso?”. Aliás, nem deixou claro se era rompimento ou não, ela só tirou o anel e foi embora. Gente, vocês moram juntos, não vão nem decidir quem vai morar onde não, quem termina assim sem nem tentar superar.
E não vou nem comentar sobre essa cura milagrosa, me parece que os escritores não entendem como nada funciona, principalmente músculos. Como é que uma pessoa perde os movimentos da perna, fica meses sem andar, e aí do nada, ela simplesmente sai andando? Fisioterapia pra quê, né. Essa cena obviamente foi feita só proque eles acharam que seria “poético” a Felicity levantar e sair de casa, mas na verdade só ficou meio ridículo. E, pior, ficou parecendo que todo o motivo para fazerem a Felicity andar de cadeira de rodas foi para poder fazer essa cena, queria que ela tivesse continuado por pelo menos mais um tempo, não acredito que foi tão rápido e sem noção.

Mas tudo bem, o que foi feito foi feito. Só espero que saia alguma coisa boa desse enredo todo, e pelo menos nós vejamos o Oliver tentando melhorar e mostrar para a Felicity que ele confia nela sim e daria um bom marido, afinal como assim ele vai desistir dos dois sem nem lutar? E também quero dizer que o Oliver super sempre fala com a Felicity sobre suas decisões e leva a opinião dela em consideração, isso foi mostrado várias vezes ao longo das temporadas, só nesse episódio que não porque eles queriam um motivo para causar Drama.

Mal posso esperar para o 4x20 chegar e os dois voltarem logo, porque já passei por todo esse drama na terceira temporada e não quero repetição disso nem um pouco.

arrow vixen

Por mais que todos vocês saibam que eu me importo mais com Olicity e os personagens do que de fato com o enredo de Arrow, acreditem ou não aconteceram coisas bastante importantes nesse episódio em relação a isso.

Para resgatar William, Oliver pede ajude de sua amiga/conhecida Mari, aka Vixen, que é uma vigilante de Detroit que tem poderes mágicos, teve uns episódios curtinhos em desenho animado sobre ela há alguns meses, mas eles me entediaram e nunca cheguei a assistir inteiro. O que importa é que ela tem um colar mágico que possibilita que ela envoque o espírito de animais e aí ela pode lutar com mais força. Como Darhk é mágico, eles vão lá e chamam ela para lutar por eles... Por que eles não fizeram isso desde o início? E por que não chamar o Barry para ir lá rapidinho, resgatar o William e pronto? Não apliquem lógica a Arrow.

No início, de nada adianta a ajuda de Mari, já que Darhk continua sendo super poderoso e fica lá enforcando todo mundo, mas então ela se questiona sobre a origem dos poderes dele e Lance completa que já viu o Darhk recebendo poderes de algum lugar. Depois que eles descobrem isso, é só uma questão de descobrir que coisa é essa, onde está, e como destruir, Mari dá umas explicações mágicas lá que pouco importam, mas no final eles invadem o liugar onde Darhk está, Mari rouba o amuleto enquanto o resto do Team Arrow continua lutando com Darhk, e ela simplesmente envoca todo o poder dela e destroi o amuleto, acabando com o poder de Darhk. Assim!

Achei um pouco ridículo fazer uma personagem convidada conseguir derrotar o vilão principal da temporada, mas tudo bem, ainda temos mais oito episódios, então esse não é o fim do Darhk. Depois que perde os poderes, a polícia chega e ficamos sem saber sobre o que aconteceu, ele foi preso ou escapou? Mesmo que tenha sido preso, sabemos que ainda tem o resto da HIVE, eu pessoalmente espero que a Ruvé ascenda como grande vilã da temporada no lugar do marido, proque acredito que ela tenha muito potencial, olha a cara de má dela.

E também ficamos sem saber o que aconteceu com a campanha do Oliver, ele a suspendou para o Darhk poder devolver William, mas aí eles conseguiram a criança de volta e vai ficar por isso mesmo, vão deixar a cidade nas mãos da HIVE? Todo esse trabalho para nada? Espero mesmo que o Oliver volte com essa campanha, porque assim não dá.

Também tivemos um momento revelar que, na verdade, foi o Malcolm quem sequestou William, e finalmente vemos Thea ficando irritada com ele. Gente, alguém mata esse cara! Malcolm está cada vez mais mostrando o quão abusivo ele é, parem de tolerá-lo, ele já fez tudo de ruim, agora fica gritando com a Thea... Imagina só como foi a infância do Tommy! Alguém tira esse cara da série, antes que eu vá lá matá-lo eu mesma.

O Melhor:
+ Vixen é uma boa personagem
+ Darhk sem poderes
+ Cena do Oliver gravando um vídeo pro William
+ Laurel e Samantha interagindo
+ O rompimento entre Olicity poderia ter sido pior
+ Thea finalmente não aguentando mais as manipulações de Malcolm
+ Pelo menos acabou essa história da mentira. Vai com deus e não volte mais!

O Pior:
- Tantas pontas soltas!!
- Derrotaram o Darhk bem facilmente
- Oliver mandando o William embora, pra quê, jesus
- Olicity terminando por motivos idiotas e a cena sendo feita de maneira bem ridícula
- Felicity voltando a andar do nada!!
- Malcolm ainda está por ali
- Essa mentira teve tantos furos... Ainda bem que acabou
- O cabelo da Felicity ficava mudando de solto pra rabo de cavalo entre cenas seguidas e isso me deu nervoso


Nota: 6,5

Flávia Crossetti - Estudante de psicologia, carioca, feminista, leitora compulsiva, pseudo-escritora e viciada em mais séries do que deveria.

5 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Você tá acompanhando essa história da possível saída da Katie Cassidy do elenco?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sobre a laurel morrer ou isso é outra coisa? Se for outra coisa eu não sei, mas sobre a laurel eu tenho 99% de certeza que é ela quem vai morrer, principalmente depois das fotos que saíram, emq ue ela só aparece nos flashbacks (dá para ver pela cor de cabelo dela), e todos outros personagens aparecem no presente. Aí se ela morrer, a Katie sai do elenco, né, mas não vi mais nada além disso!

      Excluir
    2. Sim, isso, mas fiquei meio chocada com os motivos pra ela sair: de que está causando problemas, chegando atrasada, criando problemas com a equipe. Será?
      Será que é insatisfação com os rumos da personagem? (adoro essas fofocas).
      Agora o que me questiono é o rumo que a série vai tomar com a saída dela, mesmo com a pouca expressão que a Canário tem na história. Afinal, é uma personagem importante na mitologia do Arqueiro. ;)

      Excluir
    3. Ahhh sério isso? Não sei se acredito nessas fofocas dela cirar problema com a equipe, mas também não acompanho muito a vida dos atores. Mas com certeza a Katie não ficou feliz com o rumo que eles deram para a Laurel, porque ela sempre deixou claro que queria Lauriver juntos, e isso obviamente não vai acontecer mais...
      Eu gosto da Laurel, mas a verdade é que não sei se ela vai fazer tanta falta assim, já que cada vez mais eles dão menos atenção pra ela, todas suas últimas histórias giraram em torno da família dela, ou sobre a Sara e mais recentemente sobre o pai. Eu acho que a saída dela deixa um espaço vago, que ou eles podem substituir com mais foco nos outros personagens ou trazer a Sara de volta, o que eu ia amar para sempre. Mas a Laurel em si não é muito necessária, mesmo que ela seja importante nos quadrinhos, isso não conseguiu passar essa importância pra série

      Excluir

 
UA-48753576-1