Image Slider

sábado, 29 de agosto de 2015

Dica da Semana: Homem-Formiga

homem formiga

Recentemente, a Marvel se transformou em um império cinematográfico praticamente sem precedentes em Hollywood, lançando filmes superproduzidos intercalados e ambientados no mesmo universo, e que se comunicam entre si para o desenvolvimento de uma história geral maior que qualquer filme produzido solo.

Assim, era apenas questão de tempo até que os poderosos estúdios entregassem um filme mais ‘mediano’ e despretensioso, se é que é possível, já que suas produções até então tinham ares mitológicos megalomaníacos dignos de seus maiores vilões.

Apostando em um filme cujo personagem principal nunca foi exatamente um sucesso de popularidade nos quadrinhos, o que em parte explica a fraca bilheteria do filme, a Marvel vem para dizer que sim, há muito mais em sua paleta de cores do que os olhos podem ver. Literalmente, eu digo.

Isto porque o Homem-Formiga entrega aquela que talvez seja sua mais ‘viajada’ premissa até então: a de um traje especial que torna possível diminuir um homem adulto ao tamanho de uma formiga, mantendo-lhe a força e a agilidade de uma pessoa em tamanho normal.

Não que a existência de seres extraterrestres, mundos plenamente habitados em outros planetas, guaxinins e árvores falantes, e gemas preciosas capazes de controlas as principais forças do Universo sejam mais críveis. De modo algum. São igualmente absurdas e fantasiosas. Mas de alguma forma, cogitar uma roupa capaz de diminuir de tamanho parece ainda mais ‘viajado’ que isso. Se o personagem principal tivesse sido atingido por raios gama e tivesse adquirido o poder da diminuição, eu até acharia mais crível. Mas uma roupa que diminui? Sei lá.

homem formigaComo filme, Homem-Formiga é extremamente bem produzido, tem ótimos efeitos especiais (apesar de quase todos serem nitidamente digitais), bastante ação e personagens carismáticos, mas acaba sofrendo com diálogos expositivos em demasia. Tudo precisa ser dito descaradamente pelos personagens, para que se tenha a certeza, absoluta, inequívoca, incontroversa, inquestionável, de que o público também entendeu. Hora ou outra, então, os personagens tornam a explicar o que está acontecendo de forma mastigada. E isso é um tanto quanto irritante.

Outro, se o cinema nos ensinou alguma coisa nesses anos todos, é que se alguém dá um nome para algum bicho, muito provavelmente alguma coisa terrível irá acontecer com ele até o final da produção, para acentuar o potencial dramático de alguma cena.

O elenco se mostra incrivelmente acertado, principalmente no protagonista Paul Rudd, que sempre entrega personagens engraçados e ao mesmo tempo dotados de carga dramática. Evangeline Lilly, que eternamente será a irritante Kate de Lost, também é essencial para entregar aquela pequena dúvida em torna das reais intenções de sua personagem. E Michael Douglas, apesar de possuir um personagem envolto em decisões contraditórias, será sempre Michael Douglas, o que é ótimo.

O grande destaque, afinal, são as cenas que usam o humor para explicar que por mais intensas e dramáticas que sejam algumas cenas de luta, elas se passam em um mundo pequeno, e quanto se mostra a ‘real’ proporção do mundo, tudo está pacato, como se nada estivesse acontecendo. Guardadas as proporções, é o mesmo humor já usado na lendária cena do rolo compressor em Austin Powers e na divertida cena do barco em Uma Noite Fora de Série.

scott lang

No final das contas, Homem-Formiga está longe de ser um filme ruim. Diga-se, é uma excelente diversão despretensiosa. Apenas não chega aos pés dos outros projetos grandiosos do estúdio, e o problema, então, talvez fosse minha própria expectativa elevada em algo vindo da grande Marvel. Esquecendo que a história se passa no mesmo universo dos outros, algo que o filme não nos deixa esquecer um minuto sequer, ele talvez funcionasse perfeitamente bem.

Cássio Delmanto Advogado, colunista automotivo, beatlemaníaco, fanático por carros, filmes, séries, música, tecnologia e cultura inútil em geral. 

0 comentários:

Postar um comentário

 
UA-48753576-1