Image Slider

quarta-feira, 10 de junho de 2015

Review: Game of Thrones 5x08 - "Hardhome"

Atenção: A resenha abaixo contém spoilers do episódio "The Gift", exibido no dia 24/05/2015!

hardhome

Eu disse na última Review que “The Gift” tinha sido o melhor episódio da temporada e ainda bem que acrescentei o “até agora”. “Hardhome” veio para acelerar nossos corações, cheio de diálogos inteligentes, situações inspiradas e uma luta épica. Um episódio digno de Game of Thrones!

Começamos com Tyrion (o maior assassino de Lannister da história) e Jorah em frente a Daenerys. O anão mais odiado dos Sete Reinos e mais amado no mundo das séries durante essa temporada, nos deu apenas pinceladas da sua incrível retórica e nesse episódio enfim, vimos ele tendo um diálogo digno da sua personalidade. Sua conversa com a Mãe dos Dragões rapidamente se estabeleceu como um dos melhores diálogos da série e Peter Dinklage não convence só a Rainha, mas a nós também, de que ele será um poderoso aliado para a Targaryen.

cersei lannisterIndo para King’s Landing vemos que nem tudo são flores para outros personagens. O pessoal do High Sparrow continua insistindo que Cersei confesse e nesse ponto, a Lena Headey consegue nos passar muito bem toda a fortaleza da personalidade da Bitch Real. Ela se recusa a confessar e insiste em dizer que a última coisa que a irmã verá antes de morrer será o seu rosto mas, no contraponto dessa fortaleza, vemos a Rainha Mãe se rendendo à toda sua fragilidade humana e bebendo água do chão. A cena provoca um misto de emoções, alguns picos de pena e outros maiores de “bem feito”… Será que as coisas ficarão piores para ela? (ah, vão sim huehuehe)

Atravessando o mar, temos Arya Stark enfim dando início ao seu treinamento. Gostei muito da sua narrativa sobre Lanna, a vendedora de ostras (ela estava muito bonitinha e fofa de trancinhas e saia!) e a montagem que mesclava sua vivência como vendedora e os ensinamentos do seu mestre ficou muito boa! Arya está aprendendo a se tornar uma assassina e estou muito ansiosa para ver o desenvolvimento do seu arco na série, o que provavelmente só acontecerá próxima temporada, já que nessa, tudo que aconteceu com ela serviu mais como um campo introdutório para sua nova vida.

Deixando os cheios canais de Braavos, chegamos nas terras frias de Winterfell, dessa vez, nada demais nos aconteceu em meios as nevascas do Norte. No encontro de Sansa e Theon, ele revela que não matou seus irmãos, pois não conseguiu encontrá-los, enquanto isso, os Bolton planejavam uma emboscada para Stannis. Será que ele chegará ainda nessa temporada para dar uma agitada por lá?

jon snow
E assim, chegamos no maior fucking moment dessa temporada. No mesmo dia em que Jon Snow chega a Hardhome, consegue convencer grande parte dos selvagens a irem com ele para a muralha e enquanto estão se arrumando para a partida, sofrem um ataque dos Outros. É importante perceber como alguns pontos foram muito bem marcados dentro da série: Primeiro temos a confirmação de um vilão, o Rei da Noite, que já apareceu em outra temporada mas não sabíamos se ele era de fato um líder. Segundo temos a confirmação de que o Aço Valiriano não só funciona na defesa contra as armas dos White Walkers mas que também os mata. (!) E terceiro temos a efetivação de uma ameaça, já que agora ficou claro que o inverno está de fato chegando. Com certeza, essa foi a melhor sequência do capítulo e trouxe para essa temporada uma ação que estava em falta. Toda a luta com os wights foi sensacional e a batalha de Jon Snow com um White Walker veio para coroar o momento e nos fazer perder o resto do fôlego. Foi incrível! (Jon Snow sabe algumas coisas as vezes, meus caros).

Enfim, Hardhome foi um episódio que conseguiu genuinamente prender nossa atenção e até lembrar à alguns espectadores desgostosos o porque dele ter chegado até essa temporada, sendo assim, leva uma nota 9,5 e uma grande expectativa para o próximo capítulo, que já pelo nome promete muito. Que “The Dance of Dragons” faça valer e seja tão épico quanto todos os episódios 9 anteriores.

Misturamas/ Autor: Thainá Dayube A resenha está em um modelo diferente do qual usamos porque foi posteriormente postada pelo nosso site parceiro Misturamas. A repostagem foi autorizada pelo autor e blog. 

0 comentários:

Postar um comentário

 
UA-48753576-1