Image Slider

domingo, 7 de dezembro de 2014

Dica da Semana: Carmilla (webseries)



O mais novo tipo de adaptação do momento são as webseries – formato de história contado em capítulos pelo youtube – e “Carmilla” entra para essa lista. Inspirado no conto de mesmo nome de Joseph Sheridan Le Fanu, publicado entre 1871 e1872 (antes de Drácula!), a webseries traz a história para o contexto moderno, assim como muitas outras do mesmo gênero fizeram.

O que tem de especial então? Duas palavras: vampiras lésbicas.

Se só isso não te convenceu a assistir não tem mais nada que eu diga que irá. Brincadeira!

A história se centra em Laura, uma menina que começa a universidade quando sua companheira de quarto, Betty, desaparece. Ela acaba descobrindo que Betty foi apenas uma de várias meninas que sumiram desde o início do ano letivo e resolve investigar mais a fundo. Nisso, uma nova companheira de quarto aparece para ela: Carmilla.

É óbvio que Carmilla é uma vampira, então isso nunca foi realmente um mistério para os leitores, até mesmo porque é adaptação de uma obra clássica. A série lida com alguns mistérios e seres sobrenaturais, mas muitas vezes é quase de maneira cômica. Não é para ser levada muito a sério.

O mais interessante são as representações, o elenco é composto quase de apenas mulheres, sendo que a maioria é queer e isso em momento nenhum é colocado como um problema na série, as questões preocupantes são em relação aos desaparecimentos e outros assuntos que são trazidos ao longo da trama. É reconfortante ver uma representação LGBT+ que não gira completamente em torno da sexualidade dos personagens.

Além de tudo, é bastante fofa como um romance e engraçadinha em muitos momentos. Além de ser super curtinha! O último episódio foi ao ar há alguns dias, completando 36 episódios no total, com em média de 4 minutos cada um. Ou seja, dá para assistir tudo direto e não perde nem duas horas do dia. Talvez tenha uma segunda temporada e estou torcendo para que tenha!


Aqui está o trailer da série:



4 estrelas




Flávia Crossetti - Estudante de psicologia, carioca, feminista, leitora compulsiva, pseudo-escritora e viciada em mais séries do que deveria.

0 comentários:

Postar um comentário

 
UA-48753576-1