Image Slider

sexta-feira, 16 de maio de 2014

Review: Arrow 2x23 - "Unthinkable" (Season Finale)

Atenção: a resenha abaixo contém spoilers do episódio "Unthinkable", exibido no dia 14/05/14


arrrow 2x23
Finalmente a finale está aí, e  terceira parte do arco final começa de onde a última parou.

Como todo mundo sabia, a cura funciona e Roy está de volta, o que significa que agora eles já estão prontos par curar o Slade. Felizmente ou não para o Roy, agora ele não tem mais nenhuma força sobrenatural nem nada, o que não significa que todo seu treinamento não tenha servido para nada. Oliver entrega uma máscara para ele, dando início a trajetória do Roy como herói.

Mas, como nada na vida desse pessoal é fácil, eles ainda precisam derrotar o Slade e seu exército. Quantos solados o Slade tem, quantas curas tinham? Não faço ideia, mas isso não importa muito. Nunca houve nenhuma dúvida que Team Arrow ia vencer no final e iriam derrotar o Slade, toda a questão era como.

E logo ficamos sabendo a resposta: Sara pediu ajuda para Nyssa e o resto da Liga de Assassinos. Não foi nenhuma surpresa, afinal já sabíamos que Nyssa voltaria a aparecer e era bastante óbvio que Sara teria ido até ela. Gosto bastante da Nyssa e fico chateada por não vermos mais sobre ela na série. Com se aliando a liga novamente e indo embora, espero que as duas voltem a aparecer. Não só porque quero ver mais das duas, mas porque Sara é uma das minhas personagens preferidas e não vou aguentar ficar muito tempo sem notícias.

De qualquer forma, mesmo com a ajuda da liga, Oliver não consegue se aproximar o suficiente de Slade para curá-lo, o que é um grande problema. Conseguimos, entretanto, capturar a Isabel, amém! Não costumo gostar de ver personagens morrer nem nada, mas ver a Nyssa matar a Isabel me deixou satisfeitíssima e me fez amá-la ainda mais.

Sem conseguir derrotá-los, Oliver e o resto precisa pensar em um novo plano. O exército de Slade está se encaminhando para sair da cidade e eles precisam impedir. E ainda por cima Laurel foi sequestrada, mas ninguém além do Quentin parece se importar muito com isso. 


unthinkable 2x23

Oliver escolhe salvar a cidade, mas não antes de ter mais uma conversa com Felicity. Mais uma vez, Oliver não está confiante que pode deter Slade e pensa em matá-lo, Felicity o assegura e diz que ele esteve nessa confusão exatamente porque tinha escolhido matar Slade ao invés de curá-lo.

Temos então talvez uma das cenas mais controversas do episódio. Primeiro vemos Oliver e Felicity aparecendo na abandonada mansão Queen, Felicity está confusa do porquê estarem ali, Oliver diz que ela precisa ficar ali, segura. E então, boom, ele explica que Slade sequestrou Laurel porque achava que ele a amava, porém havia sequestrado a mulher errado, Felicity mal pode esboçar uma reação quando ele emenda um “Eu te amo”. E foi nesse momento que todos os shippers morreram. Só que a felicidade durou muito pouco tempo: logo Slade sequestra Felicity e revemos a cena, vendo que Oliver sabia que a casa estava sendo vigiada e entregou a cura para a Felicity, era tudo um plano.

Confesso que percebi que era um plano logo que a cena estava acontecendo, mas isso não me impediu de ficar irritada. Logo que acabou o episódio, eu estava um pouco decepcionada por ter sido usada assim, afinal nas inúmeras entrevistas dadas antes do finale os escritores falaram sobre Olicity, sobre como ia ter um dos melhores momentos dos dois e deram a entender que ia acontecer muito mais do que de fato aconteceu. Entretanto, eu tive tempo para analisar melhor e rever o episódio desde então e percebi que isso foi perfeito.

Se aquela cena tivesse acontecido fora do contexto, teria sido péssimo para a série a longo prazo. Oliver e Felicity não estão preparados para entrar em um relacionamento e essa foi a oportunidade ideal para 1) testá-los como casal e 2) impulsionar o desenvolvimento do relacionamento deles.

Para começar, não acredito que o Oliver estivesse mentindo. Então ao mesmo tempo foi real e não foi. Foi para o plano, mas é claro que Oliver aproveitou a oportunidade para confessar seus sentimentos de um jeito que não tivessem muitas repercussões. O jeito como Oliver a olhou deixa claro que ele estava falando a verdade.
olicity arrow 2x23
Fonte: felicity-stilinski

Como já vimos várias vezes no passado: Oliver é um péssimo mentiroso. Felicity sempre conseguiu perceber quando ele estava falando a verdade, então quando, no final do episódio, ela disse que por um momento quase acreditou nele, fica claro que não foi uma mentira. E do jeito que ela reagiu, também fica claro para Oliver que tal declaração não seria mal recebida. Além de tudo isso, quando estão na praia, Felicity dá uma chance do Oliver dizer que era tudo mentira, quando ela começa a falar sobre como eles eram “impensáveis” juntos, mas Oliver não nega nada do que ele diz, ele só diz que ela atuou bem o papel.

Ainda estou em dúvida sobre o quanto Felicity sabia do plano. Algumas pessoas acham que ela não sabia de nada e foi pega de surpresa, outras acham que ela sabia de tudo menos do “I love you”. Para mim não importa muito, o que importa é que o plano deu certo e que Olicity parece estar mais forte do que nunca. Tenho certeza que na próxima temporada veremos uma evolução entre eles, agora que Oliver aceitou seu papel como herói, talvez ele aceite a possibilidade de ficar com alguém que ele realmente ame.

Mas de volta ao Slade: ele sequestra Felicity, como esperado e, enquanto Oliver o distrai, Felicity injeta a cura. No final, foi Felicity quem salvou o dia, yay. Claro que ainda temos algumas cenas de luta, fazendo paralelo com a luta na ilha.

Sim, finalmente acabamos essa parte dos flashbacks, estou até ouvindo coros de aleluia. 


argus arrow 2x23


Enquanto tudo isso acontece, Diggle e Lyla ficam encarregados de cuidar do ARGUS e impedi-los de bombardear a cidade ou seja lá o que eles fossem fazer. Temos uma dinâmica interessante, em que vemos Diggle e Deadshot interagindo mais uma vez, foi bom para descontrair.

Estou bastante interessada em saber mais sobre o ARGUS e explorar mais a fundo esses personagens, e ao que tudo indica meu desejo será realizado. Com o fim do plot da ilha, vemos Oliver acordando em Hong-Kong e encontrando, adivinha quem, Amanda Waller. Várias perguntas ficaram em aberto para a próxima temporada: como o ARGUS encontrou o Oliver? O que ele fez nesses anos? Por que ele estava de volta na ilha logo antes do episódio começar? Por que não voltou para Starling City antes?

Já comentei aqui que estava entediada com os flashbacks, então acredito que esse tenha sido um upgrade e tanto. Desde que eles saibam controlar, é claro, a falha dos flashbacks da ilha eram que nós já sabíamos o resultado e eles acontecendo em uma velocidade muito mais lenta do que o presente. Já com a história do ARGUS/Hong-Kong nós não sabemos quase nada, é só eles não nos revelarem o resultado logo de cara que deve dar tudo certo.

De volta ao presente, é claro que no fim eles acabam fazendo Amanda abandonar o plano. Mas isso não a impede de jogar uma bomba metafórica: Lyla está grávida.

Baby Diggle, yay!

O relacionamento entre Diggle e Lyla não é lá muito explorado, e espero que isso mude no futuro, mas ainda assim estou feliz por saber que eles vão ter um bebê. Vai mudar bastante a dinâmica para os dois, com certeza, afinal vão precisar deixar o bebê em segurança e não vão querer arriscar suas vidas tanto assim.

Essa história também não veio à toa agora. Tenho a impressão que o tema da próxima temporada vai ser famílias. Primeiro, temos Diggle abraçando a paternidade, depois temos Oliver descobrindo sobre seu filho, e, por última, fomos prometidos que aprenderíamos mais sobre a família da Felicity, então não duvido que seu pai faça uma visita. Se tudo isso vai ser ao mesmo tempo, vai ser só um plot-b para aliviar a tensão ou vai fazer parte do arco maior mesmo, teremos que esperar para ver. Só direi que se eles forem mesmo por esse caminho, eu vou amar.

arrow 2x23

E por falar em pais, ainda temos mais dois para falar.

Malcolm Merlyn está de volta e dessa vez é para ficar, ou pelo menos é isso que diz o status como regular do John Barrowman na terceira temporada. Por um momento durante o episódio, fiquei com medo que eles simplesmente fizessem Thea e Malcolm desaparecessem por vários episódios para misteriosamente voltar. Considerando que regulares aparecem em quase todos os episódios, duvido que isso acontece, mesmo se demorar um tempo para que a história deles volte a se interceptar com a do Oliver.

No episódio, vemos Malcolm sendo completamente maluco e estando feliz por Thea ter atirado nele. Parabéns, Malcolm, você ganha o troféu de pai mais esquisito. Ele parece saber tudo da vida da Thea e está super orgulhoso dela, muito mais do que esteve do Tommy, aquele filho que ele matou, lembra, Malcolm? RIP, Tommy.

Thea no início tenta se afastar de Malcolm, com razão, e vai procurar Roy. Infelizmente, o garoto tem deveres como o mais novo herói em potencial e precisa abandoná-la para ir à batalha. Uma causa nobre, mas Thea está cansada das mentiras. Tão cansada que resolve ir embora com o “pai” e deixa sua antiga vida para trás. Será o início de uma trajetória como vilã para a Thea? Ou a veremos se separar de Malcolm logo. A primeira parece muito mais interessante. Com certeza o Malcolm irá treiná-la, agora para o que já é outra história.

Bom, se Malcolm é o pior pai da série, Quentin sem dúvida é o melhor. Por isso, eu vou matar alguém se alguma coisa ruim acontecer com ele. Ou seja, podem ir me prendendo já porque é óbvio que isso vai acontecer.

A última cena que temos com ele, Quentin está passando mal e Laurel chama uma ambulância, e é isso, nem o vemos sendo levado para o hospital. Não acredito que ele vai morrer, ou melhor, estou rezando para que isso não aconteça, afinal se é para matar personagens, matem na season finale. Não tem nenhuma emoção matar alguém na premiere. Mas não duvido que ele passe um tempo no hospital, criando a história paternal da Laurel, afinal cada personagem precisa ter a sua nessa próxima temporada.

Por falar em Laurel, ela foi quase um plano de fundo nesse episódio. Ela foi sequestrada, legal, mas nem a vimos reagindo a isso, muito menos vimos uma reação do Oliver.

No final do episódio, quando vemos Sara ir embora e se despedir, Sara a passa a jaqueta, o que claramente é um sinal sobre a Laurel se tornar Black Canary. Nunca fui a favor da Laurel como BC e queria que a Sara tivesse continuado no posto, mas acredito que a essa altura seja inegável que isso vai acontecer, então só torço para que façam direito. Durante a próxima temporada, precisamos ver uma mudança na Laurel para que ela assuma essa posição.

Além disso, Sara também dá um conselho sobre o Oliver precisar da Laurel. Alguns interpretam como precisar no sentindo e BC mesmo, como heroína; outros como amizade; e, por último, de um jeito romântico mesmo. Eu sou partidária da segunda opção. Quero Laurel e Oliver como amigos e nada mais, se eu fosse os escritores, aproveitaria a próxima temporada para acabar com qualquer possibilidade de haver um romance entre os dois de vez.

Bom, é isso, nos vemos em cinco meses!

O Melhor:
+ Felicity sendo quem cura o Slade
+ “I love you” do Oliver e cena na praia de Olicity
+ Diggle sendo pai!
+ Sara e Nyssa <3
Fim dos flashbacks na ilha/início da história com o ARGUS
 Slade finalmente derrotado
 Thea tendo sua própria história

O Pior:
- Quentin sendo machucado
- Não vimos a Laurel nem a Felicity reagindo ao serem sequestradas. O Slade conversou com elas? Como foi? De onde o Slade tirou que a Felicity era "lovely"? A Laurel só ficou lá assistindo?
- Tenho a sensação que o Slade vai conseguir fugir dali e aparecer de novo. Ugh.

Nota: 9,2

5 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Dig e Layla são um ótimo casal merecem mais destaque, eu também gostaria de ver mais do passado da Felicity espero que a Sara e Nyssa retornem em breve, gostaria muito de um episodio que mostrasse quando a Sara foi resgatada pela liga e sua iniciação como membra, Não quero que o detetive lance morra. Season 3 chega logo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ahhh, um flashback com a Sara sendo resgatada ia ser ótimo! Uma pena que a maioria dos flashbacks sejam focados no Oliver, e eles agora seguiram rumos diferentes. Mas já que tiveram alguns flashbacks da Moira, a Sara podia ter os dela também, agora estou torcendo para que isso aconteça haha

      Excluir
  3. Oliver descobrindo sobre seu filho? Acho que dormi nessa parte rsrs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. haha não aconteceu ainda, quis dizer que vamos ver na próxima temporada mesmo, porque com certeza ele vai descobrir, senão não fazia sentido ter essa revelação nessa temporada :)

      Excluir

 
UA-48753576-1