Image Slider

sexta-feira, 28 de março de 2014

Review: The Vampire Diaries 5x17 - "Rescue Me"

Atenção: a resenha abaixo contém spoilers do episódio "Rescue Me", exibido no dia 27/03/14

caroline forbes 5x17


Começamos o novo episódio quase no mesmo lugar de onde paramos o último. Caroline e Enzo saíram para procurar o mais novo doppelganger, enquanto Stefan ficou sendo usado pelos Travellers.
Eu não sei se a intenção dos escritores foi rolar um clima entre Caroline e Enzo, ou se isso é simplesmente a habilidade da Candice de ter química com todo mundo. Sério! Desse jeito eu acabo shippando quase todos os ships que incluem a Caroline. Mas não, não quero o Enzo perto da Caroline, pelo contrário, quero que ele dê o fora de Mystic Falls o mais rápido possível. Talvez agora que ele conseguiu o que queria com os Travellers ele parta em paz. E que não volte mais. (Ok, quem estou querendo enganar? Ele não vai embora tão cedo. Sigh)
De qualquer forma, depois de alguns problemas os dois conseguem encontrar Tom Avery, o doppelganger. Gostei dele, ele era fofo, foi bom enquanto durou, Tom, descanse em paz. Realmente achei que ele fosse ter alguma relevância para a história e que não fosse ser morto tão facilmente, mas acho que superestimei os escritores. Tom se foi tão rápido quanto apareceu e agora torceremos para que não apareçam mais doppelganger porque jesus, deixe a história de vários personagens para um ator para Orphan Black, que eles sabem melhor o que fazem.
Antes de matarem o coitado do Tom, Caroline e Enzo entraram em uma discussão sobre se Caroline teria a coragem de matá-lo ou não, Caroline afirmando que sim, Enzo dizendo que ela não ia conseguir e que ela precisava se preparar para isso e etc, conclusão: ela de fato não conseguiu. Tudo essas cenas foram bastante inúteis por si só, mas serviram para fazer um paralelo com Damon e Elena (de quem iremos falar mais à frente), já que Caroline não consegue matar alguém, mesmo que isso vá salvar Stefan. Sinceramente, isso foi um pouco forçado, já que nós sabemos que a Caroline é sim capaz de salvar para defender outras pessoas, afinal ela matou 12 bruxas para salvar a Bonnie algum tempo atrás. Mas a memória seletiva dos escritores provavelmente deletou isso.
No final do episódio, vemos Caroline e Stefan se reunindo e serem fofinhos um pouco o outro. Vamos lá, TVD, faça Steroline acontecer logo, não tenho a vida inteira para esperar. O romance entre os dois está cada vez mais óbvio e eles não tem mais como fugir dessa história. Quero beijo Steroline no season finale e não aceito não como resposta.

liv the vampire diaries

Enquanto isso, lá em Mystic Falls e arredores, o plano de Liv e Luke fica mais claro, e parece que os gêmeos do mal não são tão do mal assim. Quer dizer, mais ou menos. Não tenho certeza ainda. Liv está por aí andando com Jeremy, o que ainda estou tentando entender como aconteceu. Eu sei, eu nem assisti o episódio em que ela apareceu, mas pelo o que a Bonnie disse, eles nem eram amigos e eu confio na Bonnie. Se o Jeremy trair a Bonnie de novo... Juro que mato esse garoto, e dessa vez é melhor ele ficar morto. Tipo, da primeira vez era até perdoável porque foi com a Anna, ela tinha morrido e eles nunca nem tinham chegado a terminar e tal, é quase justificável, mas com a Liv? Nope. A Bonnie merece alguém melhor.
Bom, Luke está vigiando a Bonnie, que não está sabendo de nada e só está desconfiando do Jeremy, por motivos óbvios, esse pessoal não sabe se comunicar. Enquanto isso, Liv está conversando com Jeremy, conseguindo não dizer nada de muito relevante. Os Travellers querem algo com a Elena, blablabla, nem ela nem as bruxas querem que esse algo aconteça. Por que são sempre bruxos iniciantes que estão resolvendo esses assuntos? Por que nunca ninguém por volta d seus 40 anos, no auge de sua bruxaria?
Não importa, o plano mal é explicado e já é abandonado. Enzo matou a Hazel, que era parente dos gêmeos, e eles foram para o plano B: matar a Elena. Sem surpresa nenhuma, isso não se concretiza, Damon está prestes a matar Liv e Jeremy o impede, dizendo que “se vai matar a Liv, vai ter que me matar também!!!”, que drama. Há quanto tempo você conhece essa menina mesmo, Jeremy? Damon não está nem aí para o que Jeremy quer, mas Elena resolve ouvir o irmão e os dois acabam deixando Jeremy resolver as coisas do seu jeito.
Vemos então Jeremy, Matt e Tyler se juntando à gangue do mal, prontos para derrotar os Travellers e proteger Elena, yay. Desde que nada aconteça com a Elena, façam o que quiserem. Não é surpresa alguma que não estou nem um pouco interessada no enredo de TVD hoje em dia, ele só se complica e se repete, e é entediante de se ver. Mas até que estou levemente curiosa para saber o que os Travellers querem exatamente. Afinal, não se comete suicídio em massa sem um bom motivo. Ou sem alguma lavagem cerebral feita por pessoas delirantes.
Nossos próximos episódios vamos ver essa turminha do barulho arranjando altas confusões e defendendo o mundo contra o mal. Mal posso esperar. 

tvd 5x17

Agora vamos ao que realmente interessa, meus bebês Damon e Elena. Pensei em começar a resenha por eles, mas preferi deixar o melhor para o final. Depois da maravilhosa cena do episódio passado, a promo nos fez acreditar que aconteceria alguma coisa entre os dois, mas nem. Elena disse que nada tinha mudado entre eles e eles ainda estavam separados, e nem mesmo o olhar pidão do Damon foi capaz de fazê-la mudar de ideia. Haja força de vontade, Elena!
Corta a cena, Elena tem que ir para a reunião de pais de Jeremy, já que depois de todas as mortes dos responsáveis, acabou que só sobrou ela para isso. E qual não é sua surpresa quando Damon aparece lá, sendo o responsável registrado na escola, já que Elena teoricamente tinha ido para a universidade e deixou o namorado encarregado de suas responsabilidades. Essa história pareceu ter saído diretamente de fanfics e não decepcionou. Damon ficou fazendo insinuações o tempo inteiro durante a reunião e a professora/orientadora deu uma lição de moral no casal, dizendo que a maioria dos problemas começa em casa e eles precisavam se resolver, porque isso estava afetando o Jeremy, que está indo de mal a pior na escola. Elena ficou muito chocada com o relatório de desempenho do irmão, sério, Elena, você esperava que ele estivesse estudando, você deu uma olhada a sua volta? Aposto que você não está com notas boas também. Nós sabemos muito bem que você só aparecia no colégio para as festas.
No meio de brigas, insinuações e discussões, tivemos uma das melhores cenas da série: Elena tendo uma fantasia sexual com Damon, bem no meio da sala de aula. Quem nunca? Algumas pessoas se sentiram traídas com esse cena, mas eu gostei mais do que se realmente tivesse acontecido. E o melhor é que a Elena é super dominante em sua fantasia, comandando o Damon. Me deem mais cenas assim e eu continuo assistindo TVD.
Mesmo que seu corpo deseje outra coisa, Elena acaba mantendo sua decisão de terminar com Damon no final. E foi uma ótima cena de rompimento, na minha opinião. Ficou claro que os dois ainda amam um ao outro, mas eles realmente precisam de um tempo. Elena está certa em tudo o que falou, mas a questão é que, só porque estão separados, eles não vão parar de fazer o que fazem um pelo outro. Vamos ver quanto tempo demora para eles voltarem, espero que até o season finale.

Créditos: iwantyoudamon

Damon desistiu de fazê-la tentar mudar de ideia e foi fofinho. A cena fez paralelo com o episódio 2x08 (a primeira vez que Damon diz que a ama, mas a faz esquecer, lembram?), quando Damon a deixa ir e dá um beijo em sua testa, igualzinho a nesse episódio. 

O Melhor:
+ Fantasia da Elena
+ Steroline sendo fofos
+ Damon e Elena como pais responsáveis do Jeremy
+ Delena no final

O Pior:
- Parem de deixar a Bonnie de lado
- E parem de machucá-la também!
- Toda essa história de “destino dos doppelganger” ou sei lá que vai voltar no próximo episódio, ugh.

Nota: 6,5




0 comentários:

Postar um comentário

 
UA-48753576-1